/?pg=Z3JpZmU= 

Carlinhos Pinheiro

História do Rodeio

Rodeio é uma prática recreativa que consiste em permanecer por oito segundos sobre um animal, um cavalo ou boi. A avaliação é feita por dois árbitros, cuja nota varia de 0 a 50 cada; um árbitro avalia o competidor e o outro avalia o animal, totalizando a pontuação de 0 a 100. O rodeio divide-se em algumas modalidades como "touro, cutiano, bareback, bulldoging, três tambores, sela americana, laço de bezerro e laço em dupla". A prática é bastante comum no Brasil, nos Estados Unidos, no México, no Canadá, na Austrália e em mais alguns países da América do Sul.

Curiosidades do Rodeio

Estima-se que os rodeios sejam seguidos por um público de cerca de trinta milhões de apaixonados que acompanham os inúmeros festivais realizados. A maior festa de rodeio no Brasil, a Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos, que chega a reunir mais de 300 mil pessoas e movimenta milhões de reais em diversos setores. Na edição de 2007, segundo organizadores do evento, a cantora brasileira Ivete Sangalo chegou a pedir 600 mil reais apenas de cachê, fora despesas extras. Mesmo com as inúmeras críticas que o evento recebe, diversos artistas patrocinam e se apresentam todos os anos não apenas em Barretos, mas também nas diversas festas que ocorrem em outras cidades do interior dos estados brasileiros, principalmente em Minas Gerais, São Paulo, Goiás, Paraná, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso.

No Brasil o rodeio está regulamentado pela lei nº 10.220/2001 que institui normas gerais relativas à atividade de peão de rodeio, equiparando o atleta profissional e a lei nº 10.359/1999 que dispõe sobre normas a serem observadas na promoção e fiscalização da defesa sanitária animal quando da realização de eventos nesta área.

Galeria de Fotos:

subir_topo

Carlinhos Pinheiro® 2017 - Todos os direitos reservados. Design e Tecnologia por AmplitudeNet